sábado, 17 de outubro de 2009

Escolhas







Por momentos na vida deparamo-nos com certas escolhas..., são estes os momentos em que nós interferimos no nosso destino.
Qual o rumo que queremos seguir... quais os nossos objectivos....
Momentos estes que surgem por si mesmos.... ou por consequência de alguém que exige demasiado, espera de nós em excesso, encosta-nos à parede inconsciêntemene... pois por si só, não tem o direito de tal exigência...
Sinto-me assim:

6 comentários:

Rui Carlo disse...

Oláááááááá...
não sabe o que fazer?
Ora, pois pois, é muito fácil decidir: opte pelo mais difícil de acontecer, pelo mais inverossímil, por aquilo que te custará mais caro (não em questão a finanças), decida-se pelo que mais choque aos seus queridos (sem feri-los ou magoá-los) e sorria disso tudo...
porque se depois disso der com os burros nágua, todos chegarão para ti e te dirão como és corajosa e coisa e tal...
Ou opte por fazer nada, armar uma boa rede, beber uma boa e gelada água de côco, ouvir um rock japonês pra não entender nada do que dizem,
Afinal: não fazer nada, não tomar nenhuma atitude, também é uma opção!!!!

Marcelo Novaes disse...

Débora,



Gostei dos elementos sinalizados nas placas. Fuja de dívidas desnecessárias e das mentiras...



;)








Beijos, e boas escolhas.





Marcelo.

Marisa disse...

Oi,Debby

A vida de todos nós é feita de escolhas...
Por vezes acertamos,outras vezes pegamos o atalho errado e nos desviamos...mas,sempre há um jeito de encontrar o caminho certo!

Ah,adorei a sugestão de debate.Vou colocar um post para ver o que o pessoal acha.
bjus

Vênus disse...

Pra mim,Escolhas faz parte da lei do livre arbítrio!!!Conforme agires,(escolheres) assim retornará colherás!Portanto,temos que selecionar nossas escolhas...

Amiga,obrigada pelas palavras em meu blog.Eu te empresto quando fores me visitar,tá??Só um pouquinho!!rs

MR disse...

Muito bonito e aconchegante seu pedaço... notas inteligentes.

R.Vinicius disse...

Oi.

Cabe a cada caminho seus passos, e devido ao caminho, cabe caminhar; já dizia o gato para Alice - Se não tiveres um destino, qualquer caminho serve. Abraço.